Crie gifs animados gratuitamente – Dicas de recursos online

Os gifs ultrapassaram barreiras e ganharam espaço como ferramentas de comunicação e arte, dentro de diversos contextos.

Confira algumas dicas de sites para criar seus gifs gratuitamente, sem precisar instalar nada:

GIPHY

É possível criar gifs animados a partir de arquivos de vídeos e links de YouTube, combinar fotos e gifs por meio da opção “slide show”, adicionar títulos e textos animados, além de editar gifs.

Make A GIF

Fácil de usar e bem dinâmico. Você pode buscar por gifs para ilustrar seu texto e suas ideias ou, se quiser criar seu próprio gif, basta escolher a opção de “Create a gif”, adicionar as imagens, escolher a resolução e velocidade. Para criar gifs em HD, deve aderir à versão Premium.

Gickr

Converte vídeos do YouTube em imagens animadas, adiciona fotos do Flickr e gera gifs com muitas imagens. Pode selecionar o tamanho das imagens até 450px e também escolher a velocidade da animação. Mas lembre-se: as imagens do gif devem se conectar e ter uma ordem que faça sentido.

Gerador de Gifs

Interface simples. Basta enviar as imagens, selecionar  o tamanho (largura x altura) e duração do gif. Para adicionar mais imagens, adicione “mais frames”. Depois, é só clicar em gerar gifs!

IMgFlip

Para criar animações personalizadas a partir de seus próprios desenhos ou clipart, ou conectar quadros que você extraiu de um vídeo. Gifs animados de alta qualidade, com muitas opções de personalização e sem limite de número de imagens. Atualmente, o fabricante de gif suporta imagens PNG, JPEG e GIF. Por padrão, a qualidade é definida como 10 (pior) para que os GIFs sejam criados mais rapidamente. Você pode tentar mudá-lo para 1 (melhor), mas demorará um pouco mais para criar. Para gifs de maior qualidade, é preciso assinar Imgflip Pro! 😉

Use o Google Alerts para monitorar assuntos do seu interesse

Estamos sobrecarregados, isso é fato. Então, toda ferramenta que possa facilitar o dia a dia é muito bem-vinda.

Gratuito, muito simples e útil, o Alerta do Google envia para seu e-mail atualizações sobre assuntos do seu interesse que foram publicados na Web.

Ao configurar o seu alerta, terá a praticidade de receber o conteúdo diariamente, se quiser. Ou, pode editar a periodicidade também.

Se você precisa coletar informações diárias para nutrir redes sociais, então, essa ferramenta é uma maravilha. Se está pesquisando sobre determinado assunto para um projeto de mestrado ou doutorado, também ajuda muito. Se precisa se manter atualizado sobre um tema específico para fazer uma apresentação, conhecer o mercado de um novo cliente ou até mesmo para uma entrevista de emprego, verá que receber notícias direto no seu e-mail vai poupar bastante tempo. São muitas as possibilidades e esperamos que isso possa te ajudar.

Como configurar um alerta do google?

  • Acesse: https://www.google.com/alerts
  • Na caixa “Criar um alerta sobre”, digite as palavras ou termos que são do seu interesse para receber notificações por e-mail.
  • Em“Mostrar opções” você deve indicar a frequência com que deseja receber alertas, além de outras opções. Você poderá editar e até personalizar seu Alerta Google selecionando o horário de entrega, tipo de fonte para os resultados de busca, região, idioma, etc.
  • Depois, é só clicar Criar alerta.
  • Com o alerta configurado com suas palavras-chave, você receberá e-mails para novos resultados de pesquisa.

Dicas do Google para criar alertas

  • Seja específico, ou seja, digite termos de pesquisa exatos e relevantes.
  • Aspas devem ser utilizadas para buscar expressões ou grupos de palavras (ex: “alergia a leite”).
  • Se quiser excluir alguma palavra da sua busca, basta usar um sinal de subtração (-) na frente dos termos digitados (ex: Europa -Itália).
  • Use o operador site para limitar sua pesquisa a sites específicos. Por exemplo, terceiro setor site:escolaaberta3setor.org.br.

Fonte: Suporte Google para criação de alertas

Gerenciadores de projetos e tarefas para ajudar a organizar o trabalho

Para empreender, também é preciso organizar. E quando nos deparamos com muitas tarefas, distintos projetos e pessoas para gerenciar, temos que pensar em estratégias e recursos para manter as coisas em ordem.

Venho compartilhando com vocês algumas ferramentas gratuitas para auxiliar na caminhada empreendedora. Neste post, vocês vão conhecer dois gerenciadores gratuitos que podem fazer a diferença no dia a dia e no seu negócio.

todoist

O todoist é um organizador online do Chrome. Sua interface é muito simples e basta ter uma conta do google para se cadastrar.

Assim que você cadastra uma tarefa, poderá determinar a prioridade, adicionar um link relacionado ou até mesmo tornar a página em que está navegando numa tarefa, incluindo a data para a sua concretização. Isso ajuda muito no gerenciamento de postagens, por exemplo. Para concluir a tarefa basta marcar o círculo à direita para adicioná-la como concluída.

O interessante deste app é que ele fica aparente na sua barra de ferramentas e poderá consultá-lo sempre que necessário. Inclusive, se precisar, pode imprimir a sua página com a lista das atividades programadas! Você pode organizar seus projetos pessoais e profissionais, alinhando suas tarefas em pastas nomeadas.

O Todoist para negócios apresenta sua versão gratuita (com menos recursos) e as versões pagas, com mais recursos e preços anuais razoáveis.

O que você pode fazer no plano gratuito?

  • Você pode compartilhar o seu projeto com até 5 pessoas, que terão acesso e liberdade de ações para comentar e finalizar a tarefa.
  • Poderá priorizar suas tarefas até 4 níveis.
  • Ter até 80 projetos ativos.
  • Acesso em mais de 10 plataformas.
  • Conexão SSL segura, dentre outras possibilidades.

PS: Os lembretes se apresentam como premium, ou seja, fazem parte apenas dos planos pagos.

Mas, você pode usar a sua própria agenda do google para gerar lembretes!

Quer saber mais sobre o Todoist? Clique aqui.

 

Logo-Trello

Outro gerenciador de tarefas bem visual, gratuito e fácil de usar é o Trello. Com ele, você pode gerir os projetos em um só lugar, tanto para uso pessoal quanto para o seu trabalho. É possível incluir sua equipe também!

A dinâmica dele é um pouco diferente, pois trabalha com cartões, os “cards”. Cada um desses cards é uma tarefa. Essas tarefas ficam alocadas em blocos. Os blocos podem ser nomeados e separados conforme sua necessidade. Os cards tem diversos recursos, tais como data de vencimento/finalização, função de anexar arquivos e adicionar colaboradores, por exemplo. Veja abaixo o visual do Trello! Você simplesmente pode arrastar os cards entre as listas/blocos. Muito prático!

Trello exemplo

“Tudo o que está relacionado ao seu projeto fica à vista no quadro, e tudo é atualizado em tempo real. Não é preciso configurar nada, e todos recebem as informações instantaneamente.”

Quer saber mais sobre esta ferramenta? Clique aqui.

Recurso gratuito para comprimir e converter os seus arquivos PDF

Estamos de volta com mais um “Aprender em Rede” na nossa coluna “Recursos Gratuitos”. Vamos falar sobre o smallpdf, um aplicativo que comprime seu PDF para um tamanho adequado. Sabe aquele arquivo imenso que você não consegue sequer anexar? Problema resolvido! Essa dica é especial para quem precisa comprimir um arquivo para envio por e-mail, mas sem perder a qualidade. Claro que existem vários outros recursos bacanas e gratuitos na rede, mas sempre indico as ferramentas que eu uso no meu dia a dia.

Por que o smallpdf?

Porque é muito simples. Você faz tudo online (na nuvem). Basta arrastar seu arquivo para a caixa indicada, aguardar um pouquinho e baixar imediatamente o arquivo reduzido para o seu computador. A qualidade se mantém e o tamanho fica perfeito para envio. O aplicativo garante a privacidade dos seus arquivos deletando-os permanentemente logo após o uso. E claro, funciona nas mais diversas plataformas, seja windows, Linux ou Mac. Muita facilidade!

O que você pode fazer com o smallpdf?

– Comprimir PDF, como explicado acima.

– Converter um arquivo JPG para PDF e vice-versa.  Mas se tiver alguma imagem em gif, bmp, png ou tiff, o aplicativo também converte! 

– Você pode converter PDF em word, Excel ou Power Point, ou fazer o contrário, convertendo seus arquivos office em PDF.

– Esse recurso  também oferece a opção de juntar e dividir seus arquivos PDF. É muito prático!

As três motivações principais desse aplicativo desenvolvido na Suíça são: confiabilidade, segurança e simplicidade.

Experimente! Solução gratuita para você!

Assine o blog para receber nosso conteúdo! Ali, na lateral superior direita desta página. Basta inserir seu e-mail e confirmar sua assinatura. 

Como criar um blog gratuito no WordPress #1

Feliz aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina.

Cora Coralina

Essa frase é chave para os posts que hoje têm início aqui na Conectidea. Sou muito grata a todos os tutoriais, fóruns, dicas em vídeos e todo o conteúdo explicativo que encontramos pela internet. Assino o material de vários sites que considero referência e gostaria de seguir o exemplo das pessoas que compartilham aquilo que sabem. Muitas vezes, coisas simples viram um verdadeiro pesadelo para quem está se atrevendo a fazer as coisas por conta própria. Então, atreva-se!

Para aquelas pessoas, organizações ou projetos que não têm muitos recursos financeiros para contratar agências de comunicação ou profissionais da área para dar uma mãozinha, a dica de criação de blog gratuito pode ajudar.  O wordpress foi a plataforma escolhida para o passo a passo da criação do blog, mas existem outras opções, como o blogspot (blogger).

Por que o WordPress? A resposta é simples: acho mais fácil de usar, você pode personalizar o seu domínio e é a plataforma que utilizo para os meus blogs. Então, vamos começar!

Você já sabe sobre o que quer escrever ou o que quer apresentar? Pense nisso, pois é fundamental que tenha em mente o tipo de conteúdo que quer compartilhar, ou seja, os temas que deseja abordar.

Passo 1: Acesse a página inicial do wordpress e clique em criar site.

inicial wordpress

Passo 2: Digite o endereço desejado para o seu blog. Pode ser seu nome ou algo que tenha a ver com o seu tema. O WordPress irá buscar e informar se o nome está disponível ou não. Se sim, aparecerá um sinal verde e você pode clicar em “Crie seu site e continue”. Se o nome já estiver sendo usado por outro blogueiro/a, aparecerá a mensagem “Este site já existe!”. Tente outro endereço até ser aceito.

endereço do blog

Passo 3: Pronto! Agora que já criou o nome do seu blog, o WordPress precisará de alguns dados. Verifique o nome escolhido, insira um e-mail válido (que você use), um nome de usuário e senha de acesso. Lembre-se de guardar esses dados.

detalhes

Passo 4: No próximo passo, o WordPress irá perguntar se deseja um domínio personalizado, isto é, um endereço de blog sem o complemento do nome da plataforma. Este serviço tem validade de 1 ano e custa $18 (dezoito dólares – anual). Ao invés do seu blog ficar com o nome “meubloggratuito.wordpress.com” (gratuito), ficará assim: “meubloggratuito.com”. Esta última opção é paga e você deverá inserir dados do cartão de crédito. Caso opte pelo domínio gratuito, clique na opção “Não, obrigado”.

domínio

Passo 5: A próxima página abrirá uma série de temas para você escolher. Veja o visual que mais lhe agrada e clique. Se depois você não gostar do tema, poderá trocar.

tema

Passo 6: Estamos criando um blog gratuito, então, escolha o plano gratuito na página seguinte.

plano gratuito

Passo 7: Confira seu e-mail e ative o blog. Logo aparecerá uma mensagem agradecendo pela inscrição.

inscrito no wordpress

Passo 8: Após ativar o blog no seu e-mail, clique em “Personalizar site”. Você irá conhecer a primeira parte da edição do seu blog. Ali vamos configurar o cabeçalho, cores e demais recursos conforme o tema que você escolher. A versão gratuita tem algumas restrições, mas atende bem!

editando

Daqui para frente acompanhe o passo a passo da Conectidea para configurar seu blog e fazer suas postagens. Separe as imagens que deseja inserir, a sua marca (se tiver), sua apresentação, texto de apresentação do blog, os marcadores que precisará. Os marcadores são uma lista de palavras que definem os temas do blog. Você poderá organizar o conteúdo de acordo com o assunto em foco.

Cuidado com o conteúdo alheio. Não vá pegar fotos ou textos dos outros sem autorização. Existem alguns sites que oferecem imagens gratuitas. Busque por imagens de domínio público ou com licença de uso gratuita. Outra opção é produzir suas próprias imagens. E se o texto não for seu, lembre-se de citar autoria, caso esteja liberado para tal.

No mais, LEIA! O WordPress é bem intuitivo e deixa tudo bem explicadinho. Basta ler e não sair clicando feito louca/o. Se não souber o que significa uma palavra, busque se informar, pesquise. Nada de preguiça. Agora você tem um blog para configurar e alimentar! No próximo passo vamos falar sobre o primeiro post.

Quer seu projeto ou sua história escrita?
Entre em contato para otimizar o seu conteúdo e a sua comunicação. Solicite Orçamento

Conectidea-conteudo-comunicacao